quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Dilema: 100 horas de curso de francês

Olá pessoas!


Voltando mais uma vez neste assunto das 100 horas, um amigo do Fabiano foi na ultima palestra que teve aqui em SP, e a Soraia falou que estão aceitando que o pessoal dê entrada na papelada com a comprovação de 100 horas de curso de francês para as áreas de formação que estão na lista das “prioritárias”, e que os candidatos deveriam ter as 150 horas no momento da entrevista. Alguém sabe de alguma coisa???

Estamos com 100 horas agora, e segundo nossos cálculos, se nos chamarem para entrevista lá pra novembro já teríamos as 150 horas que eles pedem.

Será que dá pra arriscar? Temos medo de demorar muito e as profissões deixarem de ser “prioritárias” ou algo do tipo e o nosso processo demorar mais ainda.

3 comentários:

Conexão Torrica-QC disse...

Olá,
Eu, no lugar de vocês daria entrada no processo agora, se a profissão está em demanda. Vocês não vão parar de estudar francês, certo?! Quando demos entrada tínhamos as 150h e estávamos matriculados na Aliança. Mandamos tb o comprovante de matrícula.
Bonne chance!

Diário Canada Brasil disse...

A pergunta agora é: Estarão prontos para a entrevista?

Juliana e Fabiano disse...

Sim, eu me considero pronta para fazer uma entrevista ainda este ano. No entando, a duvida é o Fabiano...
Acho que vamos mandar até o final do mês ou começo de outubro, mas sabe-se lá se vamos entrar nesta temporada de entrevistas, não é? Pode ser até que a gente fique pro ano que vem...