domingo, 8 de maio de 2011

Estude nas universidades do Quebec 2

Salut pessoas

Conforme prometido, vou passar as minhas impressões sobre o evento Estude nas universidades do Quebec que fomos semana passada. É claro que esta é apenas a MINHA opinião sobre o que vi e ouvi no evento.

Achei que não foi um evento para imigrantes, e sim para estudantes apenas, principalmente se você pode pagar o valor anual de aproximadamente CAD 15 mil, sem contar seus gastos mensais como moradia, alimentação, diversão, etc....

Como tenho interesse em estudar quando chegarmos lá, conversei principalmente com a representanda a Université Laval, que fica em Ville du Quebec. Enfim, achei que quando o assunto era cursos para residentes permanentes eles meio que tentavam "desconversar". Me explicaram que o RP passa pelos mesmos criterios de seleção que os quebecois e esta seleção é extremamente dificil, já que é analisado o historico escolar da vida inteira do aluno e que a nossa educação aqui no Brasil deixaa muito a desejar, então eu não teria muitas chances se comparar a minha candidatura com a de um cidadão de lá. Mas, por outro lado, se eu fosse como estudante internacional (pagamento +/- CAD 15 mil/ano) seria mais facil pois a seleção é diferente.

Enfim, fiquei com essa sensação de que o evento era mesmo para recrutar estudantes dispostos a pagar este valor todo pelo curso e depois, somente depois, se quisessem ficar lá em definitivo, era só fazer o processo de RP que estamos fazendo.

Bom, vale lembrar que o curso que gostaria de fazer é chamado contigenté, ou seja, a demanda é maior que a oferta, portanto os critérios de seleção são mais rigorosos e a preferencia obviamente será pelos quebecois. Se esse critério de seleção é justo ou não, não sei.... fico pensando como eu me sentiria aqui com estrangeiros "tirando" as nossas poucas vagas nas universidades públicas, mas por outro lado, já que estamos indo como residentes, também fico com aquela sensação de que poderiamos entrar nos mesmos critérios de seleção que eles, uma vez que teremos vários direitos em comum.

Finalmente, foi me indicado procurar um CEGEP assim que chegar lá pois eles possuem diversos cursos interessantes e a seleção não é tão cruel quanto na ULaval. Para quem não conhece, os CEGEPs oferecem formação técnica, +/- equivalente ao nosso técnologo aqui, com cursos de 3 anos de duração, mas a diferença é que lá os técnicos são muitissimo bem reconhecidos pelo mercado e não sofrem o "preconceito" que os tecnologos sentem aqui. É uma alternativa interessante, pois os cursos são relativamente rápidos, em torno de 3 anos, e em muitas áreas a demanda tem sido até maior do que a demanda de profissionais de nível universitário. Já vi relatos de dentistas ou arquitetos por exemplo, que ao invés de passarem pelo penoso e caro processo de  validação ou reconhecimento de diplomas, resolvem voltar para o CEGEP para fazer o curso técino de techniques d'hygiène dentaire ou technologue en architecture, ou até mesmo para mudar completamente de área (que é o meu caso).

Bom, isso é algo que ainda vou pensar bastante, pesquisar bastante e buscar informações mesmo depois que chegarmos lá. O ano letivo começa sempre em agosto então mesmo se eu já tivesse algo definido, não seria para este ano. E também tem a questão do francês. Por mais que a nossa prof diga que posso seguir um curso em francês, ainda acho que falta muito.

Enfim, é isso. Lembro que essa é a minha opinião sobre o que vi e ouvi no evento e que foi respondido de acordo com a minha intenção, que é entrar na área de arquitetura e sou formada em Adm. Pode ser que para outras áreas seja mais fácil, que é o caso dos cursos não contingenciais, por isso vale a pena sempre tirar as duvidas diretamente com as fontes oficiais!

A bientôt.

3 comentários:

SonhoComCanada disse...

nao tem como comparar o ensino aqui com o de lá.
só o curso de inglês que eu fiz na YMCA em Montreal em 2003 eu já tive uma idéia de como lá é melhor.

abraços;
Catherine
http://meetyoutherecanada.blogspot.com/

Apoema disse...

Eu tb assisti a palestra e tb tive a impressão de que o intuito era mesmo apresentar as faculdades àqueles que pretendem estudar no CA e praticamente não falaram da imigração permanente e tal.
Esse lance do CEGEP é novidade pra mim e gostei da idéia, vou dar uma pesquisada por ai tb e qquer novidade eu te passo:)
Abraço!

Pat et Du disse...

Oi Ju!!
Queria muito ir na festinha, mas tenho a festa de aniversário da minha sobrinha a noite. Se a festa na École fosse a tarde eu ia! Que pena =(
Viu que tem mais gente recebendo pedindo de exame? Tô achando que os nossos vão vir bem antes do que a gte imagina... :D
Bjs,
Pat