sábado, 30 de abril de 2011

Avaliação comparativa de estudos – Parte 3

Salut pessoas!!!!

Gostaria de ter noticias mais legais e mais animadoras sobre o federal, mas infelizmente o consulado ainda não se manifestou, então o assunto hoje é outro. Enquanto não temos noticias de lá, vamos tentando agilizar ao máximo por aqui nossa documentação e os detalhes que vão facilitar a nossa vida lá nas terras do norte!

Enfim, finalmente, após mais de 1 mês de espera pelo documento que faltava, recebemos o ultimo diploma e enviamos a nossa avaliação comparativa de estudos  para o MICC. E, conforme prometido em algum lugar do passado, vai ai o passo a passo de como fizemos o processo. Mas, antes de colocar aqui a explicação, vale lembrar algumas coisinhas!

* Busque sempre informações oficiais! O tempo passa e os blogs ficam desatualizados. O que foi válido para nós hoje, pode não valer mais para você amanhã!
* Não recebemos ainda a resposta do nosso processo! Mesmo tendo seguido o passo a passo do site oficial, algum detalhe pode ter passado e nossas instruções podem não estar 100% corretas!

Bom, começando pelo começo, a avaliação comparativa não é um diploma e nem uma equivalência, como o próprio site do MICC diz. Esta avaliação é um documento onde um especialista canadense vai comparar seus estudos feitos fora do Canadá com o sistema escolar deles e emitir um parecer sobre quanto vale o seu diploma estrangeiro comparado com os diplomas canadenses. Não sei se me expressei bem por que é dificil explicar, já que o próprio nome já diz, avaliação comparativa de estudos é uma avaliação comparativa! Simples assim!!!

Enfim, e por que solicitar esta avaliação? No nosso caso, decidimos fazer esta solicitação por diversos fatores: Eu, Ju, optei por pedir a avaliação por que pretendo voltar para a faculdade no Canadá, e apesar de cada instituição de ensino ter seu próprio método de avaliação, a avaliação do governo é necessária quando o estudante solicita o Pret e Bourse, e pretendo tentar também. No caso do Fabiano a questão foi outra. Não é uma regra, mas algumas empresas solicitam esta avaliação comparativa, e como o objetivo dele no futuro é um trabalho na área de TI em alguma empresa do governo, a avaliação comparativa também é essencial na hora de se candidatar para os concursos publicos.

Bom, mas como solicitar esta avaliação??? No nosso caso, nós fizemos assim:

Primeiramente, solicitamos as traduções dos seguintes documentos:

* Certidão de nascimento minha e do Fabiano
* Certidão de casamento (para justificar a minha mudança de nome. Se você não teve mudança de nome não é necessário)
* Diploma da faculdade e do ensino médio e historicos de notas meus
* Diploma da faculdade, ensino médio e técnico e historicos de notas do Fabiano

Falei um pouco sobre as traduções e o trabalho do tradutor que contratamos neste post aqui.

Também tiramos cópias autenticadas de todos estes documentos (em português), para não ter que enviar os originais. Porém, quanto aos traduzidos, tivemos que enviar os originais das traduções mesmo.


Após juntar toda a documentação, fizemos o preenchimento de dois formulários. O primeiro, é o formulário de solicitação da avaliação, chamado, Formulaire de demande e o outro é o formulário de pagamento por cartão de crédito, que está aqui. E por falar em pagamento, o custo é de CAD 106,00 por pessoa.

O preenchimento desdes formulários é bem simples e não tem segredo, por isso não vou passar campo por campo aqui, mas se alguém tiver alguma duvida é só perguntar.

Bom, após juntar os documentos e preencher os formulários, é só enviar para o seguinte endereço:

Centre d’expertise sur les formations acquises hors du Québec (demandes internationales)
255, boulevard Crémazie Est, 8e étage, bureau 8.01
Montréal (Québec) H2M 1M2
Téléphone : 514 864-9191
Télécopieur : 514 873-8701

E é isso. É um processo simples, sem segredo, mas bem demorado. O site do MICC diz que o tempo de espera é de pelo menos 3 meses.

Vou colocar aqui também alguns links importantes (em francês)  que podem ajudar na preparação da avaliação caso apareça alguma duvida:





Bom, é isso, desculpem pelo post gigante, mas espero que possa ajuda. E se alguém tiver alguma duvida pode nos escrever. E é claro que agora, como tudo que envolve a nossa imigração a gente espera!

A bientôt.

2 comentários:

Nossa Terra Prometida disse...

Excelente post, Juliana!
Naquela época eu comecei a pesquisar e fiz o orçamento, mas acabamos nem começando..E o tempo passou! Estamos em maio e essa avaliação está na minha lista. Vamos ver se começamos, pq tbm acho super importante. Não sabemos como as coisas acontecerão por lá e o ideal é fazer o máximo por aqui para evitar problemas (e demoras) por lá.
Obrigada por compartilhar! Vou sugerir a leitura desse post lá no blog!
Ahh, e falando no Federal. Recebi um e-mail da lista de discussão de Brasília de mais um casal do final de abril que recebeu o bendito pedido dos exames. Aaanda fila!!!
Bjs
Larissa

SonhoComCanada disse...

acha interessante que todo candidato a imigrante faça essa avaliação ??

bem interessante o post.
fiz um sobre Winnipeg. passa lá !

abraços;
http://meetyoutherecanada.blogspot.com/