quinta-feira, 26 de julho de 2012

Farofando

Salut pessoas!


Quem foi que disse mesmo que estamos na terra gelada? Tá quente aqui viu. E, aproveitando o calor de mais de 30ºC e com sensação térmica de 40ºC, fomos passar o sábado no Calipso.

Calipso, pra quem nunca ouviu falar, é o maior parque aquático do Canada. Fica a 50km de Ottawa e conta com mais de 30 atrações diferentes tanto para adultos quanto para crianças. Achamos bem legal, um ótimo programa para esses dias de calor. Para os amantes de fortes emoções ou atrações mais radicais (como nós) tem um toboágua muito legal que faz looping! Você entra dentro de uma cabine e de repente o chão se abre e vc cai em queda livre a sei lá quantos km/hora. Confesso que na hora que eu me posicionei para a descida bateu um super arrependimento, mas uma vez lá dentro, a unica saída é literalmente descer por água a baixo.


Fotos tiradas do site do Parque Calipso

Mas além disso o passeio também foi interessante por outros aspectos. Chegando no parque, percebi o quão despreparados estávamos. Levamos na bolsa apenas os itens básicos: protetor solar, toalha, chinelo e óculos de sol. E, entrando no parque, percebemos que o pessoal aqui é 100% adepto à Farofa (no bom sentido da palavra, não criticando)!!!! As caixas térmicas eram umas maiores que as outras, e as vezes eram várias por família. O parque também é totalmente preparado para receber os farofeiros, com muitas mesas espalhadas por tudo quanto é pedacinho de grama, oferecendo para os visitantes toda estrutura necessária para o tão amado picnic do povo aqui.

Obviamente ficamos com fome no meio do dia, mas como todo parque que se preze, eles também tem algumas lanchonetes (bem caras, inclusive) para atender aos despreparados como nós.

Como estamos ainda aprendendo sobre os costumes daqui, ficamos de olho na farofa alheia e não é que gostamos da ideia!? Percebemos muitas frutas picadinhas e geladinhas, saladas, sanduíches de tudo quanto é tipo e até uns churrasquinhos. Além da economia (pois preço de comida de parque é salgado em qualquer lugar do mundo) você vai comer algo mais saudável e não vai passar mal durante a tarde por ter comido fritura debaixo de um calor de quase  40 graus. Mas de qualquer maneira, valeu a experiência e na próxima já saberemos o que fazer!

Mas, algo que ainda nos chama muito a atenção, quase 1 ano depois aqui, é a questão da segurança. São pequenas coisas do dia a dia que nos deixam tão felizes por estar aqui, que não consigo deixar de comentar.

Primeiro de tudo foi o locker. O parque estava cheio e não tem um número muito grande de lockers para as pessoas guardarem suas mochilas, mas quem precisa de locker mesmo? Depois de darmos uma volta geral pelo parque, percebemos vários espaços com grama cheios de toalhas/esteiras/cangas estendidas com bolsas e mochilas ao lado, enquanto seus felizes donos aproveitavam das piscinas super refrescantes. No começo ficamos meio relutantes em deixar nossa toalhinha estendida com a mochila ao lado e sair para curtir a água, mas depois de voltar N vezes no nosso cantinho e ver todas nossas coisas lá intactas, assim como todas as coisas dos nossos vizinhos de gramado, acabamos relaxando e curtindo mais o parque.

Outra coisa que achamos bem legal era que para entrar nas piscinas ou tobogãs, era preciso deixar o chinelo e o óculos de sol do lado de fora. Mas esse lado de fora, era simplesmente do lado de fora mesmo, num cantinho antes da entrada da fila do toboágua ou numa prateleira próxima às piscinas. E assim nossos chinelinhos e até o óculos de sol ficavam lá abandonados até que a gente voltasse para buscar. Também intactos, sem saírem 1 cm do lugar onde deixamos.

Enfim, no final da tarde voltamos para Montreal vermelhos do sol e contentes por vários motivos: pelo dia refrescante que tivemos, pela lição de farofa aprendida e, mais uma vez felizes por fazermos parte de uma sociedade onde o respeito e confiança entre as pessoas existe.

E, para quem tiver interesse, o parque está sendo ampliado para o verão de 2013. Quem vem farofar com a gente?

A bientôt.

5 comentários:

la vie est belle dans la belle province disse...

so fui no parque anexo ao zoo de Granby, tive a malchance de casar com um quebeca que nao curte piscina :-(

Ca e Ca no Ca-nada disse...

Olás! Muito legal o relato, realmente a questão da segurança impressiona e é o diferencial.
Abraços,
Camila

Fabiano disse...

Pois eh Camila, quase um ano aqui e a segurança ainda nos impressiona.

Rafa e Larissa disse...

Podem contar conosco! Obrigada pelas boas-vindas lá no blog! :)

maisumageracao disse...

Adoro parques aquáticos \o/
Ainda mais com atrações com forte emoções rssss
Verão 2013 estarei lá com certeza!